Próximo Episódio...
7x05 - “Greenbacks”
jorge postou isto no dia 02 de novembro de 2015.

Amy Manson deu 2 novas entrevistas falando sobre Merida, sua relação com Belle, o episódio de ontem e o episódio 5×09, que contará a aventura de Merida, Ruby e Mulan. Leia as entrevistas abaixo:

TVGuide

No episódio especial de duas horas de Once Upon a Time, em 15 de novembro, a moça valente Merida (Amy Manson) irá em uma missão com Ruby (Meghan Ory) e Mulan (Jamie Chung). Também será quando saberemos que ela e Mulan têm uma história. “Nos dias de hoje, ela volta a perguntar a Mulan por sua ajuda,” Manson diz ao TVGuide.com. “Você vai ver cortar para um flashback para ver o por que e descobrir quem as apresentou e o que Mulan ensinou para Merida através de sua vida e especialmente com luta, nesse sentido, como se tornar a guerreira que ela é.”

Mas antes disso, no episódio de ontem, Merida estava muito desesperada para encontrar seus irmãos mais novos, que foram levados cativos pelos clãs de DunBroch, então ela toma medidas extremas.

“Ela acaba sequestrando Belle (Emilie DeRavin) porque ela encontra algo que Belle pode fazer e que ela acha que vai ser útil na busca para resgatar seus irmãos”, Manson explica. “Não há nada malicioso sobre isso, mas no momento em Belle descobre onde ela está, é tarde demais para voltar atrás, de modo que é quando elas têm algumas cenas bem emocionantes e Belle concorda em ajudar Merida em sua missão.”

Isso é pelo menos melhor do que o que está acontecendo com Belle em Storybrooke. Como parte do plano da Dark Swan (Jennifer Morrison) que planeja trazer à tona o lado heróico de Rumple (Robert Carlyle), ela obriga Merida a caçar a pessoa que ele mais valoriza: Belle. Manson diz, “[Merida] não sabe o que se passou no outro reino, então ela não sabe quem é Rumple, quem Belle é para o Rumple ou quem é Belle. Para Merida, é apenas uma coisa horrível de se fazer a uma pessoa.”

Via

IGN

Merida pode estar sob o controle da Dark One no presente em Once Upon a Time, mas no episódio de ontem “The Bear and the Bow”, os fãs começaram a ver como a personagem de Valente era antes de se encontrar com Emma Swan.

Para falar sobre o seu primeiro episódio flashback, Amy Manson pegou o telefone e nos disse o que está à frente para Merida, compartilhar parte das histórias de background de sua personagem que deixou a atriz “chocada” e discutir o que a ajuda a entrar no personagem.

É realmente ótimo ver um personagem que não é motivado por um romance, mas por sua conexão com a família, e eu acho que isso é algo que Once lida muito. Então, qual é a evolução da conexão de Merida com sua família desde o que vimos em Valente?

As semelhanças são quão bem ela se dá bem com o pai, e também o novo amor e conexão com sua mãe no final de Valente ainda está lá. Você vai descobrir que, no presente, seu pai faleceu, e mais tarde você vai descobrir por que ele faleceu e quem é o responsável por sua morte. O episódio 9 é predominantemente sobre isso. É sobre ela se vingar do assassino de seu pai.

Isso é bem trevoso!

Sim, eu sei! Realmente é, porque ele vai voltar em flashbacks também. É super legal.

Você ficou surpresa por essa reviravolta e o que isso significaria para o que aconteceu em Valente?

Sim, absolutamente. Quando eu li o episódio 9 eu fiquei chocada. É um episódio brilhante. Esta temporada está apenas mantendo todo mundo na ponta dos pés – mesmo eu como um espectadora, enquanto eu assisto. Estou super, super animada sobre tudo. Nesse sentido, estava louco para ler, mas as razões pelas quais ela chega lá e por que ela precisa vingar a morte de seu pai ficam claras como o dia lá. Então assim que eu li o episódio, você sabe, todos estes membros dos clãs chegam e está tudo definido em DunBroch. Foi realmente refrescante ler, na verdade, como uma fã do show e intérprete de Merida. Foi simplesmente adorável voltar no tempo e vê-la e agindo com coragem, em sua ilha natal.

Eu acho que o relacionamento de Merida com Emma é realmente interessante, porque ela só a viu em seus momentos mais escuros. Mas nós, como os telespectadores, sabemos que Emma, ​​em muitos aspectos, é tão valente como Merida. Sei que você irá filmar mais episódios na temporada, então você pode adiantar como a evolução desse relacionamento vai ser? Merida vai começar a ver alguma bondade em Emma, ​​mesmo que ela seja o Dark One?

Absolutamente não. [risos] Não, definitivamente não. Ela é um vilão! Filmamos uma cena juntas segunda-feira, e foi um pouco estranho para mim, porque, obviamente, como atores, é nosso trabalho saber como nos sentimos em relação a outro personagem quando entramos em um quarto. Mas há alguma desgraça pendente para todos os personagens deste episódio, 11, que filmamos. Merida chega a esta situação e tem que avaliá-la, e Emma está lá. Por isso, foi um pouco confuso para mim que Merida – por que ela não apenas foi para cima e atacou Emma, ou algo assim? Mas ela não fez isso, e não foi escrito dessa maneira, então eu acho que talvez no futuro você pode descobrir isso – você pode ver Merida ver o bom em Emma. Mas agora, não, ela não vê. Ela iria tirar o coração daquela mulher se pudesse.

Desde quando você foi introduzida nesta temporada, você parece que está totalmente dentro de Merida, a tal ponto que eu senti como se você tivesse acabado de sair de Valente. Qual é o elemento mais importante para você interpretar este personagem?

Eu acho que o melhor tem sido que as jornadas acontecem, a maior parte delas, em DunBroch. Mas para mim é a Escócia, e é essa selva – eu tenho que estar ao redor, eu como uma pessoa, em torno de vegetação. Eu preciso disso na minha vida. Eu não posso ficar na cidade por muito tempo. Eu preciso ter esse ar fresco, a liberdade, e a sensação de ser capaz de ir onde o vento me leva. Eu acho que é exatamente o mesmo que Merida é. Ela está sob as regras de ninguém, e ela vai lutar até a morte por sua família e o que é certo no mundo.

Nesse sentido – o ar livre, eu acho, esse cenário; é meu lar, que é tão fácil de fazer por causa de Vancouver. Muitas das cenas foram em lagos ou montanhas ou em torno de vegetação, então você pode explorar isso. E, em seguida, vendo também ao meu lado todos os membros do clã em kilts e sequências de grandes batalhas com mais de uma centena de extras, e ver todas as gaitas de foles tocando. É como um patriotismo que está constantemente borbulhando lá. E então, acima de tudo isso, está a peruca, não é? É uma colmeia bagunçada e indomável. [risos] É tão divertido. Ele me muda. Eu posso ser um camaleão. Eu pareço tão diferente com essa peruca.

Você faz com que a peruca pareça fácil de usar, mas tenho certeza de que é mais difícil do que parece.

Sim, bem, é muito pesado! Mas eu acho que o meu cabelo sendo naturalmente cacheado e, assim, a única diferença é que não é vermelho, meu cabelo natural. Então é fácil correr com cachos por toda parte.

Você acha que há uma esperança de ver Merida passado do fim deste midseason finale?

Oh, caramba, eu não sei. Eu realmente espero que sim, porque eu adorei, e eu amei trabalhar com todos. A equipe é super, super especial neste show. É realmente como uma grande família feliz. Então, eu realmente espero que sim. O episódio 11 deixou uma enorme janela aberta, e muito já foi realizado, e eu não acho que é um fim para Merida. Ela definitivamente não terminou como um personagem ou na sua jornada em tudo. Há muito a ser feito e dito. Então sim, eu espero que sim, esta temporada de qualquer maneira. Seria bom encontrar um outro encerramento. Mas, novamente, como fazer isso depois de já ter contado tanto do passado de Merida? Isso é o que o próximo passo seria.

Via

Tradução e adaptação: Once Upon a Time Brasil. Não reproduza sem os créditos!



Comentários



Design: Isabella Sivic | Programação: Danielle Cabral