Próximo Episódio...
7x05 - “Greenbacks”
jorge postou isto no dia 28 de março de 2016.

Este post, obviamente, possui spoilers do 5×15. Você foi avisado.

Como vimos no episódio 5×15, existe uma outra versão do livro “Once Upon a Time” no Submundo. Liam arrancou algumas das páginas, e uma fã conseguiu transcrever o que está escrito em uma delas, sobre a história de Hades. Veja:

tumblr_o4qlux8TaL1sjcg5bo1_1280

Hades rolou em sua cama com um bocejo preguiçoso. Seu rosto foi atingido pela desagradável luz solar vermelho-sangue do Submundo perscrutando seu quarto abobadado e ele apertou os olhos. De alguma forma ele tinha dormido demais. Limpando o sono dos seus olhos, ele se perguntou por que seu relógio não tocou.

No seu caso, o alarme era o som de milhares de almas recém-colhidas gritando em tormento. Eles profundamente lamentam a cada manhã no horário assim que eles foram depositados em seu rio infernal, evitando a necessidade de ter um servo para acordá-lo. Mas por alguma razão nesta manhã, as almas não lamentaram. Não pensando muito sobre isso, Hades começou seus rituais matutinos.

Ele andou e alimentou seu cachorro infernal de três cabeças, Cérbero. Ele tomou um banho de luxo, em seguida, secou-se pelo calor do seu cabelo em chamas. E ele supervisionou seu domínio cavernoso do topo de um vulcão, enquanto toma um copo de um bom conhaque.

Foi só quando ele verificou o contador de almas em seu salão privado que ele percebeu que tinha um problema. Inexplicavelmente, o contador registrou uma quantidade insignificante de algumas dezenas. Hades sacudiu o contador para verificar se o dispositivo estava funcionando corretamente, mas o final não se mexeu. Seu equipamento estava funcionando bem. Era a sua contagem de almas que estava penosamente baixa.

Hades balançou a cabeça e cerrou o punho. Havia pouca coisa que o colocava em um humor pior do que uma baixa contagem de almas. Ele queria sair e afogar os primeiros vinte espíritos inquietos que ele encontrasse em seu rio infernal, mas ele sabia que não iria resolver o problema.

Para chegar ao fundo da questão, ele teria que buscar pelas almas fornecedoras no Mundo Superior que abastecem seu suprimento. Infelizmente, Hades não tem qualquer poder real quando ele viaja para acima do solo, fora de seu domínio. Mesmo que ele pudesse descobrir qual pessoa de seu admirado quadro dos assassinos tinha parado de assassinar, ele teria que encontrar uma forma criativa de fazê-los voltar a matar.

Primeiro, ele precisava de tempo para pensar. Ele andou pelas encardidas e enxofradas ruas, que fervilhavam com espíritos tristes e inquietos. Estas eram as almas que ainda tinham negócios inacabados pendurados sobre suas cabeças, pesando em seus corações permanentemente silenciados. Os espíritos evitavam o contato visual com Hades, com medo de que ele poderia desencadear sua ira sobre eles. Mas Hades parou um deles para um bate-papo, um pequeno morador barbudo… [o resto da página foi tampada pela mão de Liam].

À partir dessa parte do livro, muitas teorias podem ser montadas. E vocês, o que acham?

Transcrição

Tradução e adaptação: Once Upon a Time Brasil. Não reproduza sem os créditos!



Comentários



Design: Isabella Sivic | Programação: Danielle Cabral