Próximo Episódio...
7x05 - “Greenbacks”
jorge postou isto no dia 14 de outubro de 2015.

Não é nada fácil ser pai de primeira viagem, marido, e também interpretar um personagem icônico como Robin Hood na série da ABC, Once Upon A Time.

E, ainda assim, Sean Maguire parece lidar com tudo isso da melhor forma possível. Quando a Guff conversou com Sean sobre a quinta temporada (e potencialmente a última temporada da série), ele tinha acabado de retornar de uma viagem e estava exausto de sua filmagem, e ainda assim eles tratou a equipe como se ele estivesse concedendo sua primeira entrevista sobre a série.

A emoção de Sean era palpável, mesmo por telefone enquanto estava em um terminal do aeroporto à espera de seu vôo muito atrasado de volta para Los Angeles. A Guff conseguiu conversar com Maguire sobre a próxima temporada, e sua paixão era contagiante sobre como ele falava sobre como a 5ª temporada vai trazer para a série de conto de fadas um território sombrio que o público nunca imaginou que veria.

Como é para você trabalhar em Once Upon A Time comparado com o seu trabalho em Meet The Spartans?

Sean Maguire: Este trabalho é maravilhoso por uma série de motivos. Principalmente pelas pessoas. Os colegas de elenco, a toda a equipe da série, os escritores, todos eles são muito amáveis. E à esta altura da minha carreira, ter um trabalho no qual você ama as pessoas com quem você trabalha é mais importante para mim do que o conteúdo em si. Porque eu não sei você, mas todos nós chegamos em um ponto da vida em que nos cansamos de lidar com pessoas irritantes. Em Once somos como uma família, então o ambiente de trabalho é ótimo.

A segunda razão é poder interpretar Robin Hood em uma série que passa no mundo todo, é algo muito especial para mim. Isso mudou a minha vida. Minha vida tem passado por muitas mudanças como por exemplo a chegada do meu filho recém nascido. Todas essas mudanças são ótimas.

Qual é a sensação para você de interpretar um personagem tão icônico como Robin Hood?

SM: Quando eu aceito um papel, qualquer um que seja, eu nunca me prendo em tentar baseá-lo em algo que outra pessoa fez antes de mim. Eu me preocupo mais em capturar o que os escritores tem em mente para o meu personagem. Eu tenho certeza que a interpretação de Michael Fassbender como Steve Jobs é totalmente diferente da interpretação de Ashton Kutcher como Steve Jobs, e isso não quer dizer que Steve Jobs seja uma pessoa diferente, apenas significa que as interpretações são diferentes. Milhões de pessoas interpretaram Robin Hood antes de mim, e todos eles mostrar algo diferente sobre esse personagem. Nós estamos podendo vê-lo agora mais pelo seu lado pai, seu lado amante e seu lado parceiro.

Você assistiu algum dos filmes originais de Robin Hood antes de se preparar para interpretá-lo?

SM: Não. Eu tento não fazer muito isso quando me preparo para interpretar um papel. Eu gostei dessa versão de Robin Hood porque em uma série de TV, você pode deixar de lado alguns conceito já estabelecidos para um personagem e realmente pode transformá-lo em algo novo. Ninguém nunca viu um Robin Hood como este antes, o que é algo bom sobre a tv em relação ao cinema. Eu o interpreto como um líder, como pai e também amante. Você só precisa encontrar a coragem em si mesmo, afinal eles escolheram você para interpretar esse papel, por isso leva alguma tempo para que você simplesmente apareça no Set e faça o seu trabalho, mas isso é o que eu tento fazer.

Como é um dia típico de filmagens no Set?

SM: Isso varia conforme o dia! As vezes nos chamam ás 5 da manhã, então chegamos no set, tomamos café da manhã, vamos até o trailer de maquiagem e gravamos uma cena. Isso pode levar em torno de 4 a 12 horas até que a gente termine de gravar. Essa temporada tem sido divertida porque temos trabalhado mais em conjunto do que antes. Essas são as cenas mais complicadas para filmar, porque temos de obter de vários ângulos diferentes a fim de obter closes dos, digamos, seis personagens em cena. São dias bem, bem longos, por isso é ótimo você ter um elenco no qual vocês se sente como uma família.

O que você pode nos contar sobre o arco do seu personagem e o seu crescimento nessa temporada?

SM: Não posso contar muito, ou então serei demitido! O que eu posso te dizer é que exploraremos muitas coisas interessantes nessa temporada. Essa temporada será diferente de tudo o que o público já viu e será bem sombria. Acho que estamos todos bastante animados para ver no que isso tudo irá resultar.

Como você descreveria o seu personagem em três palavras?

SM: Um bom homem.

O que você acha que você e o seu personagem tem em comum?

SM: Eu acabei de me tornar pai e Robin Hood também é pai. Ele se sente amado e um pouco perdido e eu acho que temos isso em comum. Ele tem alguma notoriedade e eu tive alguma experiência com isso; Não estou dizendo que eu estou tão conhecido como esse personagem, mas sim. Ele também está  tentando encontrar o seu caminho e eu acho que é algo que todos podemos nos relacionar com ele em relação a isso. Ele tenta liderar os seus homens de uma forma honrosa  e estas são todas as características que eu acho atraente e gostaria de tê-las em mim.

O que o atraiu para que você aceitasse interpretar esse personagem?

SM: Eu acho que se você fizer essa pergunta para outros atores, eles vão te dar uma resposta mencionando o quanto eles amaram os diretores e os roteiros, mas eu não sou um grande astro do cinema. Quando você é muito conhecido e famoso, você pode ser mais seletivo em relação os seus papéis , mas para mim foi algo do tipo, “Quem não gostaria de ter a chance de viver Robin Hood?” Além do mais, eu precisava de um emprego. Apenas aconteceu desse trabalho ser um trabalho incrível de ser feito. Once Upon A Time é uma das séries de maior sucesso do mundo e eu precisava de um trabalho. Eu tive muita sorte.

Resuma para os nossos leitores tudo o que aconteceu com o seu personagem durante a quarta temporada da série.

SM: Bom, Robin se apaixonou pela Rainha Má e ela se apaixonou por ele, e então eles achar que viveriam um lindo e mágico romance na floresta. Foi então que a esposa de Robin voltou dos mortos e então, ele como o fiel e honrável homem que é, decidiu voltar para a mãe de seu filho. Mas então ela foi congelada e teve um encontro com a Rainha Má. Basicamente descobrimos que a irmã da Rainha Má,  a Zelena, havia matado a esposa de Robin e desde então fingia ser ela, então o meu personagem foi enganado. É como o enredo de uma novela mexicana, porém com magia.

Você acha que estamos na era da televisão onde estamos investindo muito mais em personagens imperfeitos do que em personagens justos e perfeitos?

SM: Eu acho que estamos na era de ouro da televisão. Temos Tony Soprano que foi realmente o primeiro anti-herói e era terrível e ainda assim queríamos que tudo ficasse bem. Eu acho que a rede de televisão acabou por vir a perceber que isso pode ser algo adulto. Nós não precisamos necessariamente ter mocinhos como os líderes. Nós podemos mostrar personagens complexos, falhos mas também muito humanos.

De certa forma, isso é incrível, todo ator sonha com um papel no qual eles podem mostrar  complexidade para os produtores executivos de TV e eles estão finalmente começando a entender que esses são os tipos de personagens que as pessoas querem ver. Em Once Upon A Time temos a chance de ver os personagens clássicos dos Irmãos Grimm através de uma perspectiva totalmente nova, e isso por si só já é incrível.

Via

Tradução e adaptação: Once Upon a Time Brasil. Não reproduza sem os créditos!



Comentários



Design: Isabella Sivic | Programação: Danielle Cabral